quem estou?

Minha foto
sobre os delírios me deito.....a cama desalinhada me enruga... acordo em seguida.... num pulo percebo que delirar é estar sóbria e ser sóbria é estar atenta aos canais pro delirio do amor que tem no mundo

Visitas ao atalho

click tracking

não há nada de errado com o verão, só o outono que parece apressado

há somente um enfeite nos olhos...o olhar

há somente um enfeite nos olhos...o olhar

terça-feira, 7 de abril de 2009

carta endereçada a mim ,remetente desconhecido e íntimo(Piccoli Camila)

olá Foxtrot!!! Como vai essa vida ? passando a mão em você também?
por aqui resta um troco, um resto de osso, raspas que me interessam demais, pois é por amor que me interesso, e também pelos copos d'água servidos ao lado da cama, como de costume. O cheiro que fica para sempre colado nos restos do ontem, amanhecido e duro como um pão velho de padaria.

O foxtrot por aqui baila mais agitado do que nunca, balança seus pezinhos ágeis e fáceis de seguir, pelo brilhantismo da experiência, pelo fascínio do desconhecido, por tudo o que ainda não foi visto na longa estrada. um caminho a ser descoberto é uma janela aberta para o infinito, e deixo, Foxtrot, que o vento bata bem forte no rosto, a tal ponto que mal consigo abrir meus olhos. ofusca, dói, machuca, mas é tudo o o que a viagem me reserva até chegar no meu ponto original de saída. sabe, Foxy, às vezes me pego bêbada de tantos ontens, e o amanhã me causa muita ansiedade. mas não se apoquentes com meus aborrecimentos, são apenas alavancas de sobriedade, algo para me fazer escutar mais o universo da cidade.

conheci uma garota outro dia, muito interessante. ela tem uma síndrome ainda mais incomum chamada síndome do coração partido. acredite! é a mais pura verdade, mesmo que pareça um destino cruel e insólito para os ignorantes. diz-se ser recorrente em pessoas que amam acima do céu. o doutor explicou para ter cuidado pois pode gerar alguma anomalia inaparente, mas perigosa para a saúde do corpo, um tipo de deformidade nos sentimentos de amor e ódio, mas tampouco sei detalhes, então pode não passar de mera especulação. não é deveras inusitado? eu visto a fantasia! e digo, Fox, não pode ser mentira.

não demore em se corresponder comigo novamente. ando tão distraída de mim que às vezes preciso que alguém conhecido me lembre para onde vou. é a tal viagem, ou ponto de saída que te falei na última vez que em nos vimos.foi um breve encontro, mas de inequecível duração aqui dentro do .

Foxtrot, espero teu versinho com um espaço todo teu em mim.

Amor,

Katrina

4 comentários:

onec!gar disse...

Ola!!! Gostei de como escreve... Vc tirou uma foto minha e ficou de ma enviar. eu sozinho de skate na paulista e vc sozinha a passar......
Se lembra?

Pimenta Doce disse...

Linda! Entrei aqui pra ler vc com meus olhos e toda vez que isso acontece gosto muito!

Beijos da sua irmã que te ama demais!

atalhoprodelirio disse...

ai...na verdade eu publiquei esse texto por puro encantamento, mas não é meu, é de Camila

Mina Leão disse...

Não importa se é seu ou não! o que importa é que nos convida a um mundo infinito particular. E essa é grande beleza que voce prolifera.